Área de Sócios
Coral Calçada Romana
Downloads
Via de Cultura - Coros
Fados
Arquivo de Notícias
Prémio de Harmonização
Fotos
Conferências-debate
Coros XVI
 

"Sons entre Mar e Serra"

 Uma Organização:

 

  

 
Programa
Coros participantes

 Imprensa (Coros XVI)

Fotos dos Concertos

 

Ligações

1ª Edição - 2007-2008

Prémio de Harmonização foi para Itália

O vencedor da primeira edição do Prémio de Harmonização Coral José Ribeiro de Sousa, promovido pela Associação Coral Calçada Romana, foi Giuseppe Di Bianco, com a harmonização do tema “Primeiros Amores”. Rui Pinheiro, de Lisboa, com “Adeus, Leiria querida”, Tiago Marques, de Almada, com “Cantiga de Embalar”, e novamente Giuseppe Di Bianco, com o tema “Adeus a Leiria”, obtiveram menções honrosas.

Esta primeira edição do concurso de harmonização recebeu 23 trabalhos, oriundos de Portugal, Brasil e Itália e teve o apoio da Câmara Municipal de Porto de Mós, que patrocinou os 500 euros atribuídos ao vencedor.

Giuseppe Di Bianco tem arrecadado vários prémio em concursos de composição e harmonização coral, sobretudo em Itália. Foi distinguido recentemente num concurso internacional realizado na Carolina do Norte (Estados Unidos). As suas obras têm sido executadas, editadas e gravadas em vários países, entre os quais Portugal.

Após o anúncio dos resultados, que decorreu no final do Concerto de Encerramento do ciclo de música coral “Calçada Romana – Via de Cultura – Coros XIV (Sons Entre Mar e Serra)”, realizado entre 29 de Março e 6 de Abril, Jorge Pereira, Presidente da Associação Coral Calçada Romana, promotora do concurso, mostrou-se extremamente satisfeito com o interesse que a iniciativa despertou e com a participação de vários harmonizadores e compositores de renome, como é o caso do vencedor. Revelou ainda que o Júri, constituído pelos maestros Adelino Martins, Pedro Santos e António Cardo, considerou que todos os trabalhos apresentados a concurso tinham enorme qualidade.

O Júri considerou ainda que a harmonização vencedora, realizada sobre o tema “Primeiros Amores”, teve a virtude de, acrescentar mais-valia ao original, nomeadamente devido à originalidade de soluções encontradas para o “transpor” para quatro vozes.

O concurso terá nova edição dentro de dois anos.

Entrega das Menções Honrosas a Rui Pinheiro e Tiago Marques

Breve curriculum dos vencedores

G I U S E P P E   D I   B I A N C O (1º Prémio e Menção Honrosa)
Giuseppe Di Bianco nasceu em Nápoles, em 1969, e licenciou-se em Pianoforte, Composição, Música Coral, Direcção Coral e Didáctica da Música; já arrecadou prémios em vários concursos de composição, como no XI Prémio Internacional de Composição de Trento, no Concurso de Composição Coral “Soldanella” de Brentonico, no X Concurso Internacional de Cortemillia, no TIM “Internacional Music Tournament”, em Roma, no Prémio Nacional “Helmut Laberer” do Conservatório de Santa Cecília de Roma e no 7º Prémio Internacional de Composição da Salem, Carolina do Norte (Estados Unidos). Os seus trabalhos têm sido interpretados, editados e gravados em Itália e no estrangeiro, nomeadamente em França, Portugal e nos Estados Unidos. Tem sido, igualmente, convidado como conferencista em vários países, entre os quais Portugal.

T I A G O   M A R Q U E S  (Menção Honrosa)
Estudou piano e canto na Escola de Música do Conservatório Nacional, antes de ingressar na Escola Superior de Música de Lisboa, onde concluiu o Curso de Composição, tendo posteriormente feito uma licenciatura em Direcção Coral no Conservatório van Amsterdam. Cantou em e dirigiu vários coros de estilos muito diferentes, do jazz à ópera, em Portugal e na Holanda. As suas composições e arranjos são cantados por coros em diversos países.

R U I   P I N H E I R O  (Menção Honrosa)
Concluiu o Curso de Piano no Conservatório Regional de Coimbra. Fez a Licenciatura e a Pós-graduação em Piano na ESMAE, no Porto, com Fausto Neves e Pedro Burmester. Possui uma Pós-graduação e, Piano e Música de Câmara na Academia Ferenc Liszt em Budapeste (Hungria).
Estudou Direcção de Orquestra em Portugal, Inglaterra e Hungria. Dirige regularmente a Filarmonia das Beiras. Dirigiu o Coro da Academia de Espinho e o Coro Feminino Ensamble Oriana. Correpetidor da Casa da Música. Para além da carreira como pianista e maestro lecciona Piano e Orquestra no Conservatório Nacional de Lisboa.

 

Patrocinadores
 


















 
Veja todos os nossos patrocinadores
 
Apoio
 
 
 Direcção Regional de Cultura do Centro
 
 Fundação INATEL
Digressões
Extremadura (Espanha)
Junho de 2006

 Astúrias
(Espanha)
Outubro de 2007

Astúrias (+)

Home  |  Historial da Associação  |  As Pessoas  |  Reuniões  |  Contactos  |